sexta-feira, 3 de dezembro de 2010

Teto para desabar.

Preparo meu chá. Doce.
O sono me embala nestas notas simples de um velho violão cheio de lembranças e dores. E é como se todas as músicas de amor e solidão transmitissem a angustia de sentir. E dói. Dói viver, existir. Quando a realidade é dura, cruel.
Não é uma escolha o que eu tenho feito, mas sim uma realidade me imposta brutalmente. E brutalmente, em palavras desfez todo o meu mundo. Minhas cidades de vento, minhas avenidas e ruas e becos de memórias. Tudo findou-se num olhar determinado a matar. E neste mesmo olhar calaram-se as vozes que antes tentaram me proteger.
"É impossível", tento avisar-lhes, mas não. A destruição tem um afeto particular por mim, quer fazer-me sentir, intensamente. E eu fecho os olhos para a guerra à minha frente. Já não posso lutar, seria como um obstáculo a mais dentre os que buscam a paz com armas carregadas nas mãos.
Que o destino me leve para onde devo ir, recuso-me a entrar nessa luta onde morrem sonhos e esperanças. Não, eu não lutarei. Calo o grito interno que me enlouquece. O silêncio aqui dentro é resultado do vazio que me habita. As lágrimas que mostram minhas fragilidades não serão vistas por alguém, estou sob escudos e muros de proteção, também não verei o caos ou o céu, mas confortarei meu pranto com o falho pensamento de que tudo se resolverá. E assim será, outra vez.

29 de novembro. 14:10h

43 comentários:

  1. Incrível, as maravilhas de sentir, parabéns Daniela, parabéns.

    Cuida-te.

    ResponderExcluir
  2. Se é uma outra vez, é porquê já aconteceu algo muito parecido com esta personagem.
    É válida a experiência que foi passada e a de agora também.

    Ela precisa chorar e deixar que as lágrimas limpem realmente tudo o que de mal aconteceu dentro de sua vida sentimental.

    É torçer e esperar para que o próximo saiba os segredos dos muros de proteção que a 'protegem'.

    Fique bem, moça.

    ResponderExcluir
  3. Realmente as vezes temos que carregar quase o mundo nas costas, o que nos deixa sem tempo pra nada, e dói saber quanto tempo ainda perderemos com isso. Eu gostei, beijos.*-*

    ResponderExcluir
  4. OI MOÇA
    RESPONDENDO SUA PERGUNTA:
    EU NÃO ACREDITO NA EXISTÊNCIA DE SERES FANTÁSTICOS, EMBORA GOSTARIA MUITO QUE EXISTISSEM
    MAS SOU APAIXONADA POR ELES
    BEIJOS

    ResponderExcluir
  5. Só damos conta de nós mesmos. Querer levar em conta todo o resto, todo o mundo. É bobagem. Tente concentra-se dentro de voce, não por egoismo. Mas por reforma, assim vai se encontrar mais facil e descubrirá novas saidas. Um beijo, eu amo voce!

    ResponderExcluir
  6. Eu gosto do inferno, não gosto de nada muito calmo e certinho.

    BeijooO*

    ResponderExcluir
  7. É tão ruim quando nos sentimentos obrigado a carregar o mundo nas costas :/ .
    Compartilhe com alguém :)


    beeijão!

    ResponderExcluir
  8. gostei!!

    ainda é outono! mas com o frio qe está..já parece inverno *.*

    ResponderExcluir
  9. Penso que não devemos lutar e sim conquistar.
    "Se a chama que está dentro de ti se apagar, as almas que estão do teu lado morrerão de frio."
    Beijos e o desejo de um fds de muita paz.
    PS:Dani, "minhas palavras apaixonadas" é para vida e isso inclui meu amor, meus amigos...rs!

    ResponderExcluir
  10. Calma mocinha, mais força aí nesse teto. E se cair, constrói de novo.

    *-*

    ResponderExcluir
  11. Preparo o meu chá. Natural. Puro. Apenas com as doces ou amargas lembranças daquelas canções antigas. O sabor amargo ou doce depende do momento do sabor do dia. Fica em mim apenas aquelas recordações dos tempos idos... Fica em mim o cansaço das letras que mudam o sabor do chá!! Tenho primavera, mas vejo verão, e em mim sinto que sempre será outono.

    Beijos linda!!!

    Eu adoro as suas palavras...

    Desculpa o devaneio, rs...

    Lindo final de semana!!^^

    ResponderExcluir
  12. nossa que realidade dura ! mas muitas vezes é assim msm do jeito que vs falou , mas as pessoas se revelam de outra maneira !
    beeijos

    ResponderExcluir
  13. to te seguindo no twitter esqueci de falar !
    beejos

    ResponderExcluir
  14. haha ' bom seria se fosse isso mesmo .
    mas infelizmente, não é. precisamos mesmo de mil reais . digo, MAIS mil . temos que ter, pelo menos os 1700 . hehe ..
    aah, entendi, também passei . mas eu quero tentar chegar perto dos 100 pontinhos bimestrais . hihi
    obrigada, e boas férias pra você!
    fique com Deus *-*

    ResponderExcluir
  15. Estava passando e resolvi fazer uma visitinha, amei teus escritos!

    Voltarei sempre, estou lhe seguindo.

    Beijos e bom final de semana.
    =)

    ResponderExcluir
  16. eu só sofro em publico, abertamente, não sei me fechar assim.

    beijo!

    ResponderExcluir
  17. Daniela,
    Parabéns pelo texto e pela forma como expressa os sentimentos em forma de sonhos...
    Que vc possa sempre transpor a barreira das palavras pra expressar tudo que te passa na mente e no coração!
    Abraços!

    http://comunicationislife.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Dani, o que é pra ser, sempre será. Ter fé, sempre. Seguir em frente.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  19. Olá!Gostei muito dos seus textos:
    já sou seu seguidor. vou colocar em meu blog, um direcionamento do
    seu link para que através de atualizações eu esteja te
    acompanhado. bjos e abraços.

    ResponderExcluir
  20. Oláá! Estava passeando pelos blogs, e achei você! xD
    Gostei daqui! Estou seguindo... Depois da uma passada no meu, pra conhecer!

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  21. è sempre assim mesmo, a gente tem que ter forças pra se reconstruir de novo e de novo.

    beijão (:

    ResponderExcluir
  22. Oii
    quanto tempo, eu andei sumida
    mas seus textos cada vez mais incriveis!!
    Beijooss :*

    ResponderExcluir
  23. Hey ^^

    Lindo texto (novidade)... há de ter forças para enfrentar os próprios demônios de frente, por vezes estamos tão cansados que deixamos parte deles tomar conta.

    Xoxo

    :: Loma

    ResponderExcluir
  24. Não faz muito tempo que tive esse tipo de sentimento...Estranhamente, também estive por afundar. A analogia do teto caindo...Algo desabando. O bom é que,esse tipo de coisa tem fim. Termina. Um dia acaba. Some e você só verá uma manchinha daquilo que um dia te deixou triste (bom, ao menos comigo é assim).

    A segunda parte do conto "O Caso da Cidade das Almas" já foi postado:
    http://emyhouse.blogspot.com/2010/12/o-caso-da-cidade-das-almas-2-parte.html

    ResponderExcluir
  25. lindo lindo, sou sua super fã.
    tenho todos salvos no pc, você não se importa né?! ;9

    beijos ;*

    ResponderExcluir
  26. Ai, Dani, assim você me mata! Choreeei!
    Muito lindo!!! *-*
    Beeijos :*

    ResponderExcluir
  27. Já passei por isso, noites embaladas por música e chás e erva-doce na doce ilusão de o sono chegar

    ResponderExcluir
  28. Own mais q belas palavras são essas !!!

    Parabéns lindaa .. seguindoo , segue lá o meu ? http://amyjapinha.blogspot.com/

    Bjoss se cuide =^.^=

    ResponderExcluir
  29. Lindo, não tem o que acrescentar. Descreveras bem o que sinto. Obrigada pelas palavras.

    ResponderExcluir
  30. É difícil quando temos uma guerra em nossa frente a ponto de desmoronar, mas ao mesmo tempo não queremos perder tudo ao entrar nela. Fugir? É impossível, pois é algo que não conseguimos fazer.

    ResponderExcluir
  31. a parte boa é que as dúvidas e medos vão embora.

    ResponderExcluir
  32. O melhor "remédio" para a dor é o aconchego de um lugar fechado, como se a gente necessitasse de algo que nos fizesse ver o que estamos sentindo lá dentro, o amassar de sentimentos. Mas tudo dará certo, só o tempo irá dizer :)

    ResponderExcluir
  33. Desabafar é importante, preciso disso a cada dia!

    ResponderExcluir
  34. sabeamiga, as vezes é dificil ver alegria quando só se ve choro. Sei oqe esta passando, não diretamente, mas sei. E olha menina,jamaais,ouviu?JAMAIS deixe de acreditar que amanha sera melhor e olha quer saber de mais?Deus quer que voce vença.Acredite nele e em suas palavras... Amamos voce .(:

    saudadeeees demais .

    ResponderExcluir
  35. olà
    fiz um blog novo e adoraria a sua presença por là
    me siga por favor
    www.amorimortall.blogspot.com
    obrigado
    beijos

    ResponderExcluir
  36. Às vezes este falho pensamento não só conforta, dá esperança de fazer tudo ficar melhor. Lindo, como sempre *-*

    ResponderExcluir