segunda-feira, 8 de novembro de 2010

De onde vem tanta dor?

O que é essa angustia no peito? Esse nó na garganta, que me impede de falar? O que é essa dor crescente, como ferro em brasa a marcar-me? De onde vem toda agonia? Será só medo ou instinto? Será obsessão ou só vazio? O que será esse sentimento?
Que me perturba... Que me preenche...
Quanto durará? Serei mais forte? Serei suficiente para tudo suportar?
E se o amor me apunhalar, por dentro, destruindo tudo o que venho a guardar? E se a dor for maior do que posso imaginar? Lágrimas ignoradas insistem em me visitar, pra onde correrei quando não puder mais esperar? Porque os dias passam, tão lentos... E os meus passos cansam de existir, o ato em si, às vezes, já é tão difícil.
Uma voz rouca ecoa em meus pensamentos. O grito de minh'alma torna-se mais alto, incalável, enlouquecedor. Fecho os olhos, a escuridão é meu refúgio, é de onde fujo e pra onde vou, é o que temo e o que me abriga. Então posso imaginar as estrelas numa noite sem luar. O vento castiga minha pele fria, distraindo a dor que me mata por dentro. Abro os olhos, a imagem desaparece, o vento cessa, ainda estou sozinha nesse quarto vazio e quatro paredes me impedem de respirar, nenhuma luz, nenhum som, só o silêncio que grita aos poucos.
Fecho meus punhos num ato violento de tentar ferir-me,  impacto da pele e do chão me faz rir, como uma louca, lágrimas molham o meu rosto. Sinto-me irracional, impotente. Por tanto sentir me afogo em mágoa, é impossível resistir. Portanto, desisto. Em minha imobilidade, fito o teto fosco, invisível. Talvez eu acorde desse pesadelo, talvez apalpe o concreto até encontrar uma saída. Talvez eu morra, assim, simplesmente.


"Como encontrar o seu caminho, de volta, no escuro?"
Marilyn Monroe.

19 comentários:

  1. a dor pode até te visitar, se instalar por horas, mas és amor...e qnd se é amor, isso é superado.

    Faça da solidão o teu refúgio mesmo, qnd menos perceber vai estar por cima de td... a solidão, por mais que seja chata, sem graça, nos é bastante útil para que venhamos a nos compreender.


    O que, certamente, qnd vc menos esperar irá morrer vais er essa tristeza que por uma passagem ainda ocupa teu ser. Estou ctg.

    ;)

    ResponderExcluir
  2. Minha querida, palavras de tirar o fôlego.

    As vezes me sinto assim, em um quarto escuro, sem achar saída. Encontro-me atirada nas minhas solidões e confudões. Questiono-me de onde vem a calma e não encontro respostas. Procuro encontrar a saída, mas me sinto inerte a esse sentimento desconhecido e solitário.

    Beijos e parabéns pelas palavras!!

    boa semana

    ResponderExcluir
  3. Dizem que sempre surge uma luz no fim do túnel, rs...
    Adorei.

    ResponderExcluir
  4. concordo :)
    adorei este, lindo* vou seguir

    ResponderExcluir
  5. Gostei do texto, embora seja trsite.
    palavras identificadoras ao que sinto, e pra achar o caminho, no meio de toda escuridão, só andando as cegas, tropeçando, em busca de algum feixe de luz. Perfeito como sempre, beijos !

    ResponderExcluir
  6. As vezes a gente se sente tão preso que fugir para dentro de nós parece ser a única forma de se libertar.
    Sentimentos são assim. Avassaladores. Intensos.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  7. sem pensar, eu acabando encontrando os jovens da minha igreja quase todo dia . rs . nem precisa de um encontro marcado . hehe

    boa semana pra você, até ;*

    ResponderExcluir
  8. Grande Marilyn Monroe. Às vezes a dor corrompe tudo que há em nossa mente. Ela nos faz agir sem pensar, mas as vezes ela também ensina. Adorei o post, na verdade adoro todos teus posts, haha :*

    ResponderExcluir
  9. Lendo-a como se o fizesse pela primeira vez. Devagar. Espiando-a. Pequenos alumbramentos. Grandes surpresas.
    Um dia é sempre mais que um dia.

    BeijooO'

    ResponderExcluir
  10. A dor nos faz mais fortes, acredite. Crie coragem e força onde não tiver.. é o que estou a fazer!

    um beijo, melhoras.

    ResponderExcluir
  11. Quando a gente menos espera uma pequena fonte de luz aparece.
    E essa luz muitas vezes aparece da forma que menos esperamos, levando um pouco dessa dor consigo. Acho que vale a pena acreditar nisso.
    Belas palavras, como sempre.
    Abraços ;***

    ResponderExcluir
  12. adorei mais uma vez!

    muito obrigada querida, obrigada mesmo *.*

    ResponderExcluir
  13. Escuridão e solidão, não há melhor combinação. Embora tão profundo e doentio, tão simples como pular num abismo. É da solidão que vivem grandes filósofos, até mesmo os poetas.

    Lindo texto, escreve lindamente. Triste, profundo... Suficiente! Beijos

    ResponderExcluir
  14. O coração ás vezes é a única bússola.

    ResponderExcluir
  15. Lindas palavras. Muitas vezes nos sentimos dessa forma, mas lembre-se sempre: "A dor é inevitável, o sofrimento é opcional."

    Beijos

    ResponderExcluir
  16. Essa dor que confunde os próprios medos. E deixa que o o coração fique em mil pedaços, vem de um lugar frio. Talvez ela se apague amanhã ou depois. Enquanto isso o mundo entrega novos sorrisos. Resta colocá-los no rosto...

    Um beijo linda Dani!!

    ResponderExcluir
  17. Algumas dessas perguntas eu também gostaria de ter a resposta, mas penso que na hora certa elas virão e quem seja essa " dor" vá embora junto com as perguntas!


    Beijos

    ResponderExcluir
  18. e se isso for somente um amor que te machuca mt ,
    antes que isso te mate acho que seu sentimento o levará a solução pq algo que te machuque tanto não pode ficar assim Dani.
    um bj *-*
    e não fica triste não, nós ficamos tristes na msm época hein sempre.rs
    tudo vai passar tenho crtz.

    ResponderExcluir