terça-feira, 8 de junho de 2010

Pulsante.

Você tem o encaixe perfeito das minhas mãos, é o preenchimento feito pro vazio do meu coração. Pulsante. É como um jogo de cores, e o que fica é uma lembrança bonita de tudo o que se foi,  naufragou em um mar de saudade, afogou-se juntamente com minha alma. Pulsante.  Como um relógio, como uma bomba prestes a explodir. Foi e é o que me faz sorrir. Mesmo nas recordações pequenas e quase esquecíveis, mesmo nos momentos em que você me fez sentir. Tudo e nada. Pulsante. Pulsante como a vida que renasce à cada primavera, como a saudade que não passa, que às vezes distrai, parece diminuir, e de repente volta com tudo, dissipando toda e qualquer esperança. Sua falta é como a flor que não renasceu, morreu em cinzas e assim permaneceu. É o céu que não amanheceu, eternizou a escuridão. E alguém me diz: “Encontre o seu caminho!” Mas todos sabem que eu tenho medo de escuro, caminho nenhum vai me guiar, estrada nenhuma vai se formar enquanto a Lua continuar presa atrás dessas nuvens escuras, densas. Estrela nenhuma posso ver e então escrevo pelo vazio que me consome, pela solidão que me envolve. A chuva começa a cair lá fora, aqui dentro ninguém pode me alcançar, nem mesmo a serenidade que me fez um dia despertar. Sou paz desde que me encontrei sozinha. Quatro paredes me protegem do frio, do vento e dessa água gelada a molhar tudo por aí. Quatro paredes não podem me proteger de mim. Quatro paredes são totalmente inúteis quando a ventania acontece por dentro, quando o terremoto é permanente, os furacões devastam sem pensar. Fenômeno esse de não te encontrar... No fim dos dias, início das noites. Eu sempre precisei tanto de alguém, e um dia tive você, no outro perdi-me por completo. Espero você voltar, espero que minha espera não seja em vão.
São três horas da manhã e abrigo nenhum é capaz de me aquecer, já passou da hora de esquecer e há uma solidão crescente em  meu ser. Eu preciso que saiba, assim como espero que lembre. O sentimento aqui não deixou de existir, o sofrimento também não deixou de renascer. Você sempre soube que minha paz é passageira, assim como o sorriso que por vezes é estampado em meu rosto. Esse brilho nos olhos é um problema a ser resolvido, lágrimas não posso mais controlar. Então volte, volte pro meu abraço, seja mais uma vez meu esconderijo. Dessa vez eu prometo ser mais forte, agir como uma pessoa adulta que nunca fui, nunca serei.
Sempre disse-lhe que sou uma criança, eterna criança. Mas é engraçado como o mundo quis me provar o contrário, me colocando em situações de gente grande, onde só sobrevive quem viver. E eu vivi, realmente vivi. Mas sinto falta daquela calmaria que era somente ouvir a batida do teu coração. Pulsante. Não dá pra esquecer. Quando sua alma é marcada por alguém importante, simplesmente é impossível deixar pra trás.

34 comentários:

  1. - Ai!!! Pra mim foi??
    Esse Passado Presente me cerca mesmo.
    Não tem como..
    Liindo Flor!

    beijo Grandee!

    ResponderExcluir
  2. "Você tem o encaixe perfeito das minhas mãos", tão lindo *-*

    ResponderExcluir
  3. Aja como você foi sempre. Sua natureza é pura, linda.
    É você, entende?
    Nunca perca você de você mesma.
    Seu texto é lindo e intenso.


    Beijos menina. (Só uma menina? Affffi)

    ResponderExcluir
  4. "Sou paz desde que me encontrei sozinha. "

    por incrível que pareça, é justamente quando fico só que encontro tambpem um pouco de minha paz...

    ResponderExcluir
  5. "me colocando em situações de gente grande, onde só sobrevive quem viver."
    Ameiiiii
    lindo lindo

    Beijoo super :*

    ResponderExcluir
  6. "uma lembrança bonita de tudo o que se foi, naufragou em um mar de saudade, afogou-se juntamente com minha alma. " achei um punhado dos meus ex-amores ai.
    e tão bom quando é 'pulsante', não?
    beijos

    ResponderExcluir
  7. "Quando sua alma é marcada por alguém importante, simplesmente é impossível deixar pra trás."

    completamente impossivel *-*
    Belissimo texto amiga, beijao.
    Uma boa noite (L

    ResponderExcluir
  8. 'Quatro paredes não podem me proteger de mim. Quatro paredes são totalmente inúteis quando a ventania acontece por dentro, quando o terremoto é permanente, os furacões devastam sem pensar. Fenômeno esse de não te encontrar... '

    Quando a confusão vem de dentro não há quem consiga arrumar mesmo. E isso do mundo nos confundir e nos botar, de repente, em situações de gente grande eu entendo. Entendo e acho tenso, mas vai saber, né? Deve ser destino. :)

    ResponderExcluir
  9. É bom ser você mesma, se reconhecer *-*
    AMOOOOOOOOOOOOOO, AMEEEEEEEEEI [a]
    Para de me matar, ok? rãm
    xx

    ResponderExcluir
  10. Caraca Dani todas suas palavras parecem que foi eu quem escreveu.. to sentindo exatamente a mesma coisa, e a saudade meu Deus como doí.. e nossa espera tem um tempo, a vida continua..se for pra ser, será!

    bjo ;)

    ResponderExcluir
  11. Fundamental é mesmo o amor, é impossível ser feliz sozinho.

    BeijooO'

    ResponderExcluir
  12. Oii! Texto lindo e triste! Amei! :)
    Beeijos :*

    ResponderExcluir
  13. " Você sempre soube que minha paz é passageira, assim como o sorriso que por vezes é estampado em meu rosto. "

    Do inicio ao fim, foi tudo pra mim, eu sei.
    Beijos, dani (:

    ResponderExcluir
  14. Pulsa forte e degrada as barreiras que o cercam, porque ele é realmente mais forte do que qualquer coisa. Vai batendo, tropeçando, esbarrando, mas chega sempre em algum lugar, pois nunca se satisfaz com a inércia. Amar é tão movimentado. Pulsa tanta coisa dentro de nós. Coisas que nem sei... Andas sumida, ein? Nunca mais conversamos. Saudades de ler o que escreves...

    ResponderExcluir
  15. aiiin que tudoo *---------------*
    Quando sua alma é marcada por alguém importante, simplesmente é impossível deixar pra trás. / so apaixonada por essa "

    ResponderExcluir
  16. eternamente crança esternamente pura ; um ser quase inocente ; um beijo

    ResponderExcluir
  17. amor com simplicidade e talento só podia dr num texto tão lindo
    envolvente
    seguro e real...
    parabens mulher
    sse eu pudesse eu pagaria pra vc fazer u livro *-*
    lindo mesmo"!

    abraço
    ótimo fds.
    e feliz dia da bala de goma vendida em onibus..
    pq as que vendem no farol é do paraguai...é o submundo terceirizado
    alias deviam terceirizar o irã
    ha haa quem nasce no irã é urâniano!

    ResponderExcluir
  18. Você escreve muito bem, adorei tudo, os textos ! Parabéns !!

    Estou te seguindo, beijos *.*
    www.tudocomcaprichoo.blogspot.com
    Twitter, faloow me : @karendayse

    Visite também:
    www.queriaserescritora.blogspot.com

    ResponderExcluir
  19. Não dá pra esquecer. Quando sua alma é marcada por alguém importante, simplesmente é impossível deixar pra trás.


    a melhoor parte amiiga *--*
    ameeeei \o

    ResponderExcluir
  20. Deixa-se o que nos marcou um dia apenas fisicamente para trás, porque tal coisa nos perseguirá para sempre, até quando nossa memória não for tão boa quanto em outras épocas juvenis.

    Belo, romântico e profundo.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  21. oooi, obg por ter passado lá no meeu blog ^^
    adorei a postagem ;
    desculpa a demora para responder ;P
    _ bom final de semana, baiseer ;

    ResponderExcluir
  22. Parabéns, pulsante foi lê tuas palavras. Quase fico sem ar, parabéns mais uma vez.

    ResponderExcluir
  23. Caramba, você me deixa sem palavras. hahahaha Você é incrível, Daniela. Beijão

    ResponderExcluir
  24. Parece que o nosso coração toma o lugar da razão.
    Bjooo!!

    ResponderExcluir
  25. Parabéns,é de encantar,emocionar o seu texto
    "ver e então escrevo pelo vazio que me consome, pela solidão que me envolve"
    Adorei *_*
    Muitas vezes a vida nos prega peças pra nosso crescimento,não deixamos de ser criança mais amadurecemos ao ponto de ser os dois.

    ResponderExcluir
  26. Depois da tempestade, sempre vem a calmaria.

    Tudo é frágil, tudo passa, o importante é deixarmos que passe e que sigamos em frente.

    A experiência pode nos dar cicatrizes ou conhecimento, nós que escolhemos.

    ResponderExcluir
  27. Obrigada! rsrsrs. Uma pena pois não tenho previsão de voltar com a história. Meu pc deu pau, Agora vamos torcer Bjooo

    ResponderExcluir
  28. e só resta correr atrás...

    hahaha, tá, admito, a rima não foi pobre, foi esmolé... mas a ideia é verdadeira.
    passar por cima de qualquer orgulho para ser feliz *--*

    bj, flor ;*

    ResponderExcluir
  29. Só pelo começo"O encaixe perfeito das mãos"já dava pra imaginar a qualidade do texto,sem contar que é tudo a ver com o dia dos namorados,rsrs
    Quanto ao meu post,quem leu o livro sabe que ela fica com o Ed,apenas "balança" pelo Jake,Lol

    ResponderExcluir
  30. O seu texto está muito bom, lindo, qualidade ótima mesmo.
    Adorei o seu blog, :*

    ResponderExcluir