terça-feira, 2 de junho de 2009

Todo es igual

Tentando acreditar que o tempo passa rápido pra não tentar adiar a agonia de esperar... Esquecer as noites e dias vázios onde eu pensei desesperadamente em dormir até que a distância acabe.
Então eu acordo e vejo que está no mesmo quarto com as mesmas esperanças, as mesmas saudades e as mesmas lembranças.
Saudade constante, como lembranças que eu imagino e queria que tivessem acontecido, como várias premonições que passam por minha cabeça e se resumem em um demorado abraço.

6 comentários:

  1. Não deixe de acreditar. Nunca. Jamais.

    ResponderExcluir
  2. Uma bela e comum solução, é o tempo, tem coisas que apenas o tempo pode resolver...

    ResponderExcluir
  3. rápido quanto?
    o suficiente para não ver?
    mas aí, como saber?

    perguntas, perguntas, perguntas..
    e a gente já busca respostas.

    :*

    ResponderExcluir
  4. aaah meu,amei o post.È exatamente ao qe to passando. SAUDADE,DISTANCIA.dormir pra ver se isso é apenas um sonho ruim,acordar e ver qe não é =/ mto LINDO,amei ♥

    ResponderExcluir
  5. Lindo como tudo q vc escreve! essa saudade vai passar, assim como tudo na vida, por mais dificil q saja pior é nao senti-la> bjus

    ResponderExcluir
  6. MARAVILHOOOOOOOOOSO *-*
    quem dera se tudo fosse como qeriamos ... *-*

    bjos ;*

    ResponderExcluir