sábado, 4 de abril de 2009

Cuando llora.

Acreditando no que se teme não se tem o que se quer.
Quando chora, desaba num sentimento de alivio e tristeza; Quando chora, percebe que nada pode ser preso dentro de si.
Desaba em calma e desespero... Tudo passa, a tristeza vem antes da alegria e é mais duradoura. Quando chora, desperta a ansiedade de sorrir, a vontade de ser feliz. Então você fecha os olhos e respira fundo, levanta a cabeça e finge sorrir, procura um motivo, uma razão. Acha que encontrou e depois descobre que se enganou, então você desaba de decepção, sente medo.
E o medo é sempre o pior de tudo.

2 comentários:

  1. E o medo é sempre o pior de tudo...

    eu me identifiquei MUUUUUUUUUITO com esse texto, estou passando por uma fase igual ( ou quase ) aqela fase de se acreditar e seguir, mais ai voce tropeca, cai feio, fica no chão com medo de se machucar de novo... como eu qeria tirar esse medo da minha vida >_<

    parabens pelo texto. é realmente lindo :)

    um beeeijo amooure ;*

    ResponderExcluir
  2. essa parte "Quando chora, desperta a ansiedade de sorrir, a vontade de ser feliz" minha caraa. nossa daani que profuundo isso *-* ameeeeeeeeeeeeeeeei

    ResponderExcluir